Você está em:
Postado há 0000-00-00 00:00:00

Habitação sobe menos e inflação fecha outubro em 0,01%

Taxa do IPC-S é a menor desde setembro de 2008.

Fonte: G1
Tags: economia

A taxa de inflação calculada pelo Índice de Preços ao Consumidor – Semanal (IPC-S) recuou pela terceira semana consecutiva, e encerrou outubro em 0,01%. A variação é a menor desde a quarta semana de setembro de 2008, quando ficou em -0,09%. 

Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), os gastos com habitação, que subiram menos no período, contribuíram para a variação menor do indicador, que havia ficado em 0,04% na semana anterior. Na passagem da terceira para a quarta semana do mês, essa taxa recuou de 0,59% para 0,51%. 

Também contribuíram para que o IPC-S desacelerasse as taxas de vestuário (de 0,72% para 0,29%) e despesas diversas (de 0,29% para -0,19%). 

Em sentido contrário, a taxa de alimentação, que vinha recuando, voltou a subir, mas permaneceu deflacionária, passando de -0,99% para -0,95%. Também ficaram maiores as variações de saúde e cuidados pessoais (de 0,12% para 0,23%), educação, leitura e recreação (de 0,04% para 0,11%) e transportes (de 0,68% para 0,75%).