Você está em:
Postado há . Atualizado há

Você e seu time estão progredindo?

Pouquíssimas pessoas conseguem manter bons resultados profissionais sem que alguém acompanhe seus resultados

Em qualquer empreitada, pessoal, profissional ou de times, medir resultados é crucial. Medir resultados corresponde a responder a seguinte pergunta: Estamos progredindo? Ou não? Se em nível individual isso já é fundamental, a um nível de gestão, onde é necessário acompanhar a progressão e resultados de outras pessoas, isso se torna uma questão de sobrevivência.

Não são poucos os gestores e líderes que simplesmente negligenciam esse fator, seja isto simplesmente por desconhecer conceitos de gestão, ou por fatores comportamentais.

Muitos tem receio de quebras de relacionamento ao cobrar o time, outros acreditam que não devem fazer isso, pois as pessoas já são pagas para tal. Independente das razões ou crenças sobre o assunto, uma coisa é certa, ela não corresponde à realidade.

A realidade é que, a falta de disciplina em medir resultados causa uma falta generalizada de direção e quebras significativas de produtividade.

Dito isto, existem dois elementos cruciais que devem ser implementado quando se fala em medição.

O primeiro, é saber exatamente o que está sendo medido, já o segundo está relacionado a estabelecer rotinas de medição de resultados.

  1. O que está sendo medido?

Em geral, existem duas formas de acompanhar resultados.

Podemos acompanhar a evolução e conclusão de atividades ou medir indicadores (KPIs).

Quando usar um ou outro depende inteiramente do tipo de trabalho a ser realizado, mas existe uma generalização que pode ser usada.

KPIs são comumente usados como índices para medir rotinas, atividades repetitivas.

Atividades podem ser usadas para acompanhar novos projetos e iniciativas.

  1. Rotinas de medição

Independente da forma de medição, é importante que um líder adote, crie um ritual de acompanhamento junto ao seu time.

Ou seja, é crucial que líderes reservem tempo para se reunir com seus liderados e medir os resultados alcançados em determinado período.

Por mais óbvio que isso possa parecer, não é exatamente o que ocorre na prática.

Naturalmente, para se medir determinado resultado, é necessário que ele tenha sido previamente estabelecido.

Sendo mais claro, é impossível medir um resultado que não foi anteriormente planejado, organizado e delegado ao time.

Sendo assim, pode-se resumir o processo de medição de resultados, para não dizer o de gestão em si, em poucos passos:

  1. Crie uma rotina de medição, seja em reuniões ou de maneira informal;
  2. Avalie os principais resultados obtidos, através de atividades ou indicadores;
  3. Forneça feedback relevante ao time;
  4. Estabeleça os próximos resultados;

Simples, não é mesmo?

A grande conclusão que você poderá chegar ao implementar o processo de medição em sua equipe é a seguinte:

Pouquíssimas pessoas conseguem manter bons resultados profissionais sem que alguém acompanhe seus resultados.

Mas e você? Vem medindo os resultados do seu time de maneira consistente?

Fazer isso pode te ajudar a ser um gestor muito mais eficaz e, consequentemente, a ter uma equipe operando em altíssima performance.